Cerest promove ações educativas com os trabalhadores

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 8 de março de 2012 as 20:01, por: cdb

p { margin-bottom: 0.21cm; }

A Prefeitura de Arapiraca, por meio da Secretaria de Saúde e do Centro de Referência Regional em Saúde do Trabalhador (Cerest) realiza, nesta sexta-feira, (9), mais um conjunto de ações educativas voltadas aos trabalhadores de diversas áreas.

O objetivo é a prevenção das lesões por esforços repetitivos e doenças osteomusculares relacionadas (Ler/Dort).

As atividades fazem parte das ações alusivas ao Dia Mundial de Prevenção ao Ler/Dort, que aconteceu no último dia 28 de fevereiro.

Ocorreu uma programação especial nos canteiros de obras do Residencial Aroeiras, no bairro Bom Sucesso, com os profissionais do Nasf 1.

Na ocasião, foi realizada orientação de profissionais acerca da temática de saúde do trabalhador com a palestra da enfermeira do trabalho do Cerest e atividades de prevenção as Ler/Dort com a oficina de Ginastica Laboral desenvolvida por educadores físicos e fisioterapeutas, além das orientações de nutricionistas e distribuição de materiais educativos e brindes.

Entre os dias 27 de fevereiro e 7 de março, foi realizada a 1ª Semana de Ginástica Laboral nas Empresas, incluindo ações educativas voltadas aos trabalhadores de diversas canteiros de obras, com vista à prevenção das  Ler/Dort.

Na oportunidade, foram visitadas empresas e realizadas orientações acerca da temática de saúde do trabalhador e atividades de prevenção às Ler/Dort, com a Oficina de Ginástica Laboral desenvolvida por educadores físicos e fisioterapeutas, além de dicas de alimentação saudável, distribuição de materiais informativos e de brindes.

No dia 28 de fevereiro houve também um grande evento na Praça Luiz Pereira Lima, antiga Praça da Prefeitura, com um importante momento de sensibilização da população acerca da prevenção das lesões.

Segundo a diretora do Cerest, Sandra Márcia Lima, as atividades contaram com o importante apoio dos profissionais do Nasf e da Área Técnica da Promoção da Saúde, e visaram contribuir para a melhoria da qualidade de vida nos ambientes de trabalho, minimizando os riscos aos quais os trabalhadores estão expostos nas suas atividades laborais e criando estratégias para combater os problemas que atingem estas categorias.

As Ler/Dort – tenossinovites, tendinites, epicondilites, compressões de nervos periféricos e síndromes miofaciais – são expressões do desequilíbrio entre as exigências do trabalho e as possibilidades humanas, tanto no que se refere à capacidade física como mental. O resultado dessa equação é um grande contingente de trabalhadores jovens, com dores crônicas, incapacitantes, ceifados, na maioria das vezes, no auge da sua capacidade de trabalho, colocados à margem de qualquer possibilidade de ascensão social.