Cegos simulam voto na urna eletrônica

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 23 de setembro de 2004 as 05:03, por: cdb

Estudantes do Instituto dos Cegos de Mato Grosso fizeram testes, nesta quarta-feira, com a urna eletrônica colocada à disposição pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A simulação do voto apontou o interesse dos deficientes visuais de exercitarem o voto.

Por solicitação do Instituto dos Cegos, em alguma zonas eleitorais da Capital o deficiente visual poderá votar numa urna eletrônica que tem um fone. Desta forma, ao digitar o número, automaticamente escuta o número teclado.

Na simulação, os deficientes visuais conseguiram concluir o voto para vereador e prefeito numa média abaixo de 50 segundos. Duas técnicas do TRE orientaram os alunos a votarem. Eles também poderão solicitar o fone de ouvido conectado à urna. No Mato Grosso, serão disponibilizadas pelo menos 90 urnas com este equipamento.