Cafu é a maior dúvida de Scolari na escalação do time contra o Chile

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 4 de outubro de 2001 as 17:11, por: cdb

O técnico da Seleção Brasileira Luiz Felipe Scolari continua com problemas para escalar a sua equipe para a partida do próximo domingo, contra o Chile, pelas Eliminatórias da Copa de 2002.

O médico da Seleção, José Luiz Runco, ainda tem dúvidas sobre a condição física do lateral Cafu, que ainda sente dores no joelho esquerdo e na coxa direita.

“Cinco jogadores chegaram a Curitiba recuperando-se de lesões”, diz Runco. Os atletas machucados são Rivaldo, Lúcio, Émerson, Cafu e Ronaldo. Destes, apenas Ronaldo foi cortado. Os outros quatro foram mantidos no elenco.

Runco não está otimista quanto a Cafu. “O jogador está sendo submetido a tratamento intenso desde sua chegada, na segunda-feira. Mas dos quatro jogadores, o Cafu é o que demonstra menos confiança”, revela o médico.

Segundo Runco, o próprio atleta solicitou que não treinasse na equipe titular enquanto não estivesse 100% recuperado. O lateral Belletti, do São Paulo, tem atuado em seu lugar. “Cafu será o seu próprio parâmetro. Ele só entrará em campo domingo se tiver a confiança necessária para jogar.”