Bush enfrenta hostilidade da opinião pública britânica

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 11 de novembro de 2003 as 02:55, por: cdb

A maioria dos cidadãos britânicos rejeita a política para o Iraque do presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, revela uma pesquisa publicada nesta terça-feira, uma semana antes da visita do líder americano à Grã-Bretanha.
 
Os britânicos também rechaçam a estreita relação entre Bush e o primeiro-ministro britânico, Tony Blair, estimando que ela tem debilitado a posição dos Estados Unidos no mundo, destaca a pesquisa realizada pelo instituto Populus para o Times.

Segundo a pesquisa, 60% dos britânicos desaprovam o modo de atuar de Bush no Iraque, contra 20% que pensam que o presidente americano tem uma política correta para a região. Entre as mulheres, a rejeição à política de Bush no Iraque é ainda maior: 67% contra 14%.

A ação militar americana no Iraque é condenada hoje por 49% dos britânicos. Em abril passado, apenas 24% da população rejeitava a campanha militar naquele país.

O apoio à campanha de Bush para derrubar o presidente iraquiano Saddam Hussein caiu de 64% em abril para 32% atualmente.

A pesquisa revela ainda que apenas 40% dos britânicos pensam que a estreita relação entre Bush e Blair é boa para a Grã-Bretanha e 47% que o presidente americano está a altura de suas funções.

A consulta foi realizada entre 7 e 9 de novembro com 964 pessoas maiores de 18 anos.

O presidente Bush é esperado a partir do dia 18 no Palácio de Buckingham, onde será hóspede da Rainha Elizabeth II.