Brasil: Serra isolado, Lula cercado

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 9 de outubro de 2002 as 17:46, por: cdb

“a partida recomeça com um debate de propostas mais estofadas”, espera José Serra, que chegou em segunda posição (23,2% dos votos) da eleição presidencial brasileira atrás do favorito, Lula. Considerado como perdedor ainda no primeiro turno, José Serra, candidato da coalição no poder demonstra alguma combatividade.

O seu adversário brilha. Luiz Inacio Lula da Silva (Partido dos trabalhadores, PT), que recebeu 46,4% dos votos, acaba de receber o apoio de um dos seus adversários do primeiro turno, o candidato de centro-esquerda Ciro Gomes, que chegou em quarto lugar, domingo, com 12% dos votos. O que poderia conferir-lhe uma vantagem decisiva. “Lula é melhor representante deste sentimento de uma mudança”, declarou Gomes, que garantiu a presença de seu partido, o PPS, na campanha do ex-adversário.
Da mesma forma, é esperado o apoio em prol do candidato petista do ex-governador do Estado de Rio de Janeiro de Janeiro, Anthony Garotinho, que ganhou 17% dos votos no primeiro turno.