Brasil permanece em 75º lugar no ranking do Índice de Desenvolvimento Humano

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 5 de outubro de 2009 as 10:20, por: cdb

O Brasil permaneceu em 75º lugar no ranking do Relatório de Desenvolvimento Humano (RDH), que inclui 182 países. Segundo o documento divulgado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), o Brasil obteve nota 0,813 – numa escala que vai de 0 a 1, em que 1 representa o desenvolvimento absoluto – e ficou entre os países com nível de desenvolvimento alto. A divisão vai de nível baixo a muito alto.

A Noruega ocupa o primeiro lugar da lista, com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 0,91. O última posição ficou com o país africano Níger, com 0,340.

A posição brasileira se manteve estável de 2006 para 2007, ano em que os dados do relatório divulgado nesta segunda-feira se baseiam. Entre os cinco países que se destacaram por subir três ou mais posições no período, três são sul-americanos: Colômbia, Peru e Venezuela.

Os outros dois são a China e a França, que volta a figurar na lista dos dez primeiros. O progresso desses países, segundo o relatório, está relacionado a melhorias na educação, expectativa de vida da população e nos rendimentos médios per capita.

O RDH ressalta ainda que os dados revistos desde 1980 mostram avanços no IDH dos países, que subiu em média 15%. Os progressos foram verificados principalmente em educação e saúde, mas a desigualdade de renda ainda persiste. Essas tendências devem ser analisadas mais profundamente no próximo ano, quando o relatório completará 20 anos.

A última lista divulgada pelo Pnud continha 179 países. Com o aumento para 182 e a revisão da metodologia feita pelo programa, o relatório recomenda que os dados divulgados em 2009 não sejam comparados aos de anos anteriores. Relatório divulgado no ano passado informava que o Brasil ocupava a 70ª posição no ranking. Mesmo passando para a 75ª, a sua colocação foi considerada inalterada pelo relatório em função dessas revisões.