Brasil Open: Guga vence e enfrenta Ricardo Mello

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 11 de setembro de 2003 as 22:26, por: cdb

Gustavo Kuerten não teve qualquer dificuldade para se classificar às quartas-de-final do Brasil Open. Nesta quinta-feira, ele derrotou o austríaco Werner Eschauer por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/1 em 1h03m de jogo.

Com a vitória, um brasileiro já está garantido na semifinal, disputado em quadras sintéticas na Costa do Sauípe, na Bahia. Isso porque Guga, atual campeão do torneio, enfrentará , nesta sexta-feira, o compatriota Ricardo Mello.

O tenista paulista superou o argentino Juan Ignacio Chela também nesta quinta, de virada, por 2 sets a 1. Com a eliminação de Flávio Saretta, que estava na platéia do jogo de Guga, os dois são os únicos representantes do país a seguir na competição. O pugilista Acelino “Popó” de Freitas também prestigiou o jogo de Kuerten, assistindo da arquibancada.

O único confronto entre Guga e Mello foi em 1996. O catarinense venceu por 2 a 0 na primeira rodada do Challenger de Campinas e depois conquistaria o título do torneio. Na época, os dois ainda estavam iniciando suas carreiras no circuito mundial. No ano seguinte, Kuerten começaria sua trajetória de sucesso, conquistando o primeiro do três títulos que já ganhou em Roland Garros.

Logo no início da partida, uma mostra de que Guga não teria muitas dificuldades para vencer e se classificar: quebrou o serviço de Eschauer e fez 1 a 0 no primeiro game. O brasileiro repetiu a façanha no terceiro game e depois manteve seu saque, finalizando o set inicial em 6/2 em 37 minutos.

O segundo set foi ainda mais fácil: Kuerten pontuou no saque do austríaco no terceiro, quinto e sétimo games, sem qualquer dificuldade. Assim, fechou em 6/1 sem que seu adversário tivesse uma chance sequer de quebra durante toda a partida