Brasil leva segunda medalha no Mundial de Piscina Curta

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 9 de outubro de 2004 as 12:21, por: cdb

O revezamento brasileiro 4×200 metros livre conquistou a segunda medalha do país no Mundial de Piscina Curta, que acontece em Indianápolis, ao terminar com o bronze na final de sexta-feira.

Rodrigo Castro, Thiago Pereira, Rafael Mósca e Lucas Salatta fizeram a prova em 7min06s64, ficando atrás dos norte-americanos com 7min03s71 e dos australianos, com 7min03s78.

Essa foi a 16ª medalha do Brasil em Mundiais. No primeiro dia, na quinta-feira, o revezamento 4×100 metros livre havia ficado com a prata.

Com os dois pódios em Indianápolis, o Brasil tem agora 6 medalhas de ouro, 6 de prata e 4 de bronze na história da competição.

– Estou muito feliz. Esta é minha segunda medalha neste mundial e também tenho possibilidades de chegar bem nos 100m e 200m medley – disse Thiago.

Kaio Márcio não subiu ao pódio, mas estava feliz com o resultado dos 100 metros borboleta. Na final ele fez 51s80 e superou o recorde sul-americano batido nas eliminatórias (52s18), terminando em quinto lugar. A prova foi vencida pelo americano Ian Croker, com 50s18.

– Para mim teve um sabor de vitória. Diminuí bastante o recorde e isso é muito importante. Tive que manter por mais um mês um trabalho intenso, após todo aquele desgaste da preparação para Atenas e dos próprios Jogos Olímpicos. Eu me superei e me motivei para entrar com garra nos 50m borboleta – disse o nadador.

Eduardo Fischer ficou bem perto de uma medalha. Ele ficou em quarto nos 100m peito, com 59s53, prova em que Brendan Hansen deu mais um ouro para o time americano, com 58s45. Henrique Barbosa terminou a prova em sétimo lugar, com 1m00s33.

Na final dos 400 metros medley, Lucas Salatta terminou em sexto com 4min10s80. O vencedor foi o tunisiano Oussama Mellouli com 4min08s06.