Brasil envia alimentos ao Haiti para vítimas do furacão Jeanne

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 2 de outubro de 2004 as 21:18, por: cdb

O governo brasileiro enviou neste sábado ao Haiti nove toneladas de alimentos e seis toneladas de hipocloreto de sódio (para potabilizar água), como ajuda às vítimas do furacão Jeanne, que deixou mais de 1.500 mortos no país.

Os alimentos e os remédios foram embarcados em um avião Hércules da Força Aérea Brasileira e devem chegar a Porto Príncipe na tarde do domingo, informaram fontes oficiais. Esta é a terceira carga de ajuda humanitária enviada pelo Brasil ao país caribenho desde a passagem de Jeanne. Em um primeiro vôo, foram enviadas duas toneladas de remédios e no segundo foram enviados alimentos.

A presidência informou que uma quarta carga, composta por 15 toneladas de leite em pó, arroz, soja e outros alimentos não perecíveis, doados pela Companhia Nacional de Abastecimento, será enviada na próxima terça-feira.

Os alimentos serão distribuídos pelas forças da ONU no país, prioritariamente na cidade de Gonaives, ao noroeste, que ficou quase totalmente inundada pela água e a lama. Os números oficiais indicam que houve 1.500 mortos e 950 pessoas continuam desaparecidas no Haiti.

O governo já enviou técnicos dos Ministérios da Agricultura, Minas e Energia, e Saúde para planejar programas de colaboração com Haiti. A ONU fez na sexta feira, um apelo humanitário para arrecadar 32 milhões de dólares necessários para atender às vítimas dos furacões no Haiti.