Brasil é a ‘capital dos hackers’, dizem especialistas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 15 de setembro de 2004 as 14:31, por: cdb

O Brasil se tornou a capital mundial dos hackers e da fraude na internet, segundo especialistas reunidos em Brasília.

Cerca de 500 estudiosos do assunto vindos de vários países participam da primeira conferência internacional de combate ao crime eletrônico.

De acordo com dados apresentados pela Polícia Federal no evento, o Brasil é a casa de oito a cada dez hackers no mundo.

No Brasil, a quantidade de dinheiro perdida com a fraude financeira eletrônica ultrapassa o prejuízo com o roubo de bancos.

Cerca de 75% da pornografia infantil na internet também teria origem no país.

Legislação

Essas estatísticas são confirmadas por especialistas em segurança de outros países, que dizem que cerca de 96 mil ataques de hackers foram lançados a partir do Brasil no ano passado – seis vezes mais do que a partir de qualquer outro país.

A explosão dos hackers no país está sendo atribuída, em parte, à fraca legislação adotada pelo Brasil em relação ao assunto.

As atividades dos hackers, em si, não são um crime no Brasil. Por isso, a polícia tem que provar que houve uma fraude para poder processar os responsáveis.

Os hackers brasileiros não se consideram criminosos, argumentando que entram nos sites não para roubar, mas porque isso é um desafio para eles.

No ano passado, websites nos Estados Unidos foram alvo da grande maioria dos ataques de hackers.