Bragantino vence Paraná e fica fora da zona do rebaixamento

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 27 de agosto de 2011 as 17:21, por: cdb

O Bragantino recebeu o Paraná neste sábado (27), para encerrar o primeiro turno longe da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B. O Massa Bruta, com dois gols em dois minutos, venceu pelo placar de 2 a 1.

Com 24 pontos, o Braga fica fora da zona de rebaixamento da Série B. O Tricolor, com 28, fica na sétima posição.
 
Lima, no primeiro minuto, teve a primeira oportunidade de jogo, mas acabou pegando mal na bola. O Bragantino teve chance aos três com Léo Jaime, que mandou a bola pelo lado de fora da rede. Depois, Lima tentou o chute de longe, Gilvan fez a defesa e o zagueiro afastou pela linha de fundo.

O Tricolor pressionava e se posicionava mais no ataque, com o Massa Bruta tentando o contra-ataque. Aos 19, Wellington cobrou falta e Gilvan evitou a abertura do placar do Nabi Abi Chedid. O Bragantino também teve chance em cobrança de falta, mas sem sucesso.

Marcinho bateu falta aos 29 e foi direto para o gol, mas Zé Carlos usou as duas mãos para afastar a bola. Na cobrança do escanteio, o Massa Bruta por pouco não marcou gol olímpico, com a bola tocando no travessão do goleiro paranista.

O Paraná também arriscou na bola parada aos 34, mas Wellington mandou por cima do gol. Depois, Marcinho tentou abrir o placar para o Bragantino, mas Zé Carlos fez a defesa. Aos 39, Léo Jaime fez a jogada pela direita e cruzou para Romarinho tentar o chute, mas ser desarmado na pequena área.

O Paraná teve outra chance aos 43, mas Gilvan fez a defesa. Os minutos finais do primeiro tempo foram de equilíbrio, com o Bragantino avançando mais para o ataque e arriscando para abrir o placar.

Romarinho, aos cinco do segundo tempo, tentou o chute e Zé Carlos apareceu para a defesa. O Bragantino pressionava mais e dominava os primeiros minutos da etapa final.

Aos 14 minutos, o Bragantino abriu o placar. Romarinho, de cabeça, aproveitou a jogada para colocar o Massa Bruta com 1 a 0 no Nabi Abi Chedid.

No minuto seguinte, o segundo gol da equipe de Bragança Paulista. Reinaldo marcou o tento e aumentou a vantagem do time da casa.

Ricardinho teve a chance de diminuir, mas a bola passou muito perto do gol de Gilvan. O Bragantino respondeu com cruzamento para Lincom, que não conseguiu a conclusão. O Massa Bruta perdeu Luís Carlos, expulso aos 27 minutos. Aos 30, Lisa fez o cruzamento, a bola tocou na trave, Giancarlo tentou de cabeça e Mineiro conseguiu afastar o perigo.

O Paraná diminuiu aos 33 minutos, com o gol de Lima, em cobrança de falta. Ele bateu, a bola passou pela barreira e foi no ângulo de Gilvan.

O Tricolor cresceu em campo, intensificando a pressão atrás do gol de empate. Lima aos 39, voltou a arriscar em cobrança de falta, mas Gilvan fez a defesa. Aos 41, Douglas Packer tentou e a bola passou perto do gol do Massa Bruta. A pressão paranista continuou nos acréscimos, mas sem sucesso.
 
O Bragantino abre o segundo turno enfrentando o ABC em Natal. O Paraná recebe o Boa Esporte.

Ficha Técnica

Bragantino 2 x 1 Paraná

Bragantino: Gilvan; Júnior Lopes, André Astorga e Felipe; Luis Felipe, Mineiro, Reinaldo, Marcinho e Léo Jaime; Romarinho e Lincom.
Técnico: Marcelo Veiga.
 
Paraná: Zé Carlos; Brinner, Cris e Luciano Castán; Lisa, Garroni, Maycon Freitas, Wellington e Lima; Hernane e Giancarlo.
Técnico: Roberto Fonseca.
 
Árbitro: Vinicius Costa da Costa (RS);
Assistentes: Alexandre A. P. Kleiniche (RS) e José A. Chaves Franco Filho (RS);
Quarto árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP);
Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista;
Data: Dia 27 (sábado), às 16h20.

 

Gols: Romarinho (BRA) 12’ 2T – Reinaldo (BRA) 14’ 2T – Lima (PAR) 32’ 2T