Bono: “Tony Blair está sinceramente equivocado”

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 28 de fevereiro de 2003 as 16:26, por: cdb

O astro do rock Bono Vox, que ficou famoso por fazer campanhas pelo perdão da dívida do Terceiro Mundo e para reduzir a pobreza, disse nesta sexta-feira que o apoio do primeiro-ministro britânico, Tony Blair, à possível guerra no Iraque é “sinceramente equivocado”.

“Tony Blair não está indo à guerra por petróleo. Tony Blair é sincero em suas convicções sobre o Iraque”, disse Bono após um encontro com o presidente da França, Jacques Chirac.

“Na minha opinião ele [Blair] está sinceramente errado”, disse o irlandês, líder da banda de rock U2.

“Não podemos fazer de Saddam Hussein um mártir”, afirmou Bono. “Ele é bom com as câmeras. Não deveríamos deixar as coisas fáceis para ele”.

Bono afirmou que o principal motivo para o seu encontro com Chirac foi o debate sobre a Aids, que descreveu como “aguerra esquecida”.

“É uma guerra em uma escala diferente, mais pessoas vão morrer de Aids do que em qualquer guerra, em qualquer disputa. Quero que as pessoas vejam isso mesmo neste momento”.

Chirac está pressionando a ONU para continuar os esforços para desarmar o Iraque pacificamente e para a guerra ser usada apenas como último recurso.

Bono já fez campanha para ajudar doentes de Aids na África e, como Chirac, está entre os muitos apontados para concorrer ao Prêmio Nobel da Paz deste ano.