Bloco apresenta 6 medidas para salvar a economia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 23 de outubro de 2012 as 11:32, por: cdb

Francisco Louçã, no encerramento das jornadas parlamentares do Bloco de Esquerda, apresentou seis medidas fundamentais para salvar a economia. Notícia em atualizaçãoArtigo |23 Outubro, 2012 – 16:28 Francisco Louçã no encerramento das jornadas parlamentares – Foto de Catarina Oliveira

No documento apresentado, salienta-se que “em 2012, a dívida pública já aumentou 13,4 mil milhões e, só em Julho e em Agosto, cresceu 700 milhões; que “no final de 2012, esta dívida será mais do dobro do que era há oito anos; e que “em 2013, aumentará mais 12 mil milhões”.

E sublinha-se: “Portugal está a empobrecer, a perder emprego e a promover a emigração, para ficar sempre mais endividado. Responder a esta falência anunciada é a maior tarefa da democracia”.

As seis medidas são:

1. Primeira medida:anular o aumento do IRS e mudar o sistema fiscal com eficácia imediata

2. Segunda medida: um programa para reestruturar as dívidas e para financiar o investimento na criação de emprego

3. Terceira medida: reforçar as políticas sociais ao nível local, com mais responsabilidade e mais rigor nas autarquias

4. Quarta medida: corrigir a dívida interna, recuperando hospitais e terminando o escândalo das PPP rodoviárias

5. Quinta medida: proteger a Segurança Social

6. Sexta medida: proteger as pessoas dos despejos e do sobreendividamento

Notícia em atualização

PreviewAttachmentSize6_medidas_salvar_economia-esquerda.pdf611.99 KB