Blair chega à Jordânia após visita surpresa

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 4 de janeiro de 2004 as 18:17, por: cdb

O primeiro-ministro do Reino Unido, Tony Blair, chegou à Jordânia em uma curta escala em sua viagem de volta a Londres após visitar neste domingo de surpresa as tropas britânicas em Basra, no sul do Iraque. Blair viajou em um avião Hércules da Força Aérea do Reino Unido (RAF) à capital jordaniana, onde terá uma rápida reunião com o rei Abdala.

Depois, o chefe do Governo britânico deve seguir viagem de retorno à capital do Reino Unido em um avião civil da companhia aérea British Airways (BA). O primeiro-ministro visitou hoje os 10.000 soldados do Reino Unido no Iraque durante uma viagem de surpresa a Basra, segunda maior cidade iraquiana e quartel-general das tropas britânicas.

Procedente de Egito, onde passou as férias de fim de ano junto a sua família, Blair chegou ao Iraque para encorajar suas tropas, como já haviam feito o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, e o chefe do Governo espanhol, José María Aznar.

“Precisamos ganhar a paz, assim como ganhamos a guerra”, disse Blair na base de Shaibah a seus militares, aos quais descreveu como “pioneiros” do século XXI por defender o mundo de ameaças como os regimes repressivos e o terrorismo.

Blair visitou um centro onde a polícia militar britânica treina agentes iraquianos e se reuniu com o administrador americano do Iraque, Paul Bremer, com o enviado britânico a esse país, Jeremy Greenstock, e com o governador de Basra, Wael Abdullatif.

Greenstock disse que a resistência iraquiana é cada vez “mais sofisticada, e advertiu que possivelmente haverá novos atentados.

Depois de se reunir com o governador de Basra, Blair assegurou que nessa localidade iraquiana houve “um grande progresso”. “Embora (seja) difícil, vamos perseverar em nossa tarefa até que ela esteja terminada”, disse.