Berzoini: ‘Reforma da Previdência perimitirá recursos para área social’

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 27 de junho de 2003 as 17:25, por: cdb

A União gastou, no ano passado, R$ 23 bilhões para financiar aposentadorias de servidores públicos, enquanto destinou R$ 22,2 bilhões para a saúde, R$ 14,1 bilhões para a educação e R$ 8,2 bilhões para o trabalho.

A informação foi dada, há pouco, pelo ministro da Previdência Social, Ricardo Berzoini, ao participar do II Encontro Nacional de Vereadores e Deputados Estaduais do PT em Brasília.

– A discrepância de investimentos é inviável. É necessário rever a Previdência para destinar mais recursos às políticas sociais – afirmou o ministro.

Ele garantiu que a reforma previdenciária é constitucional, pois vai respeitar o direito adquirido dos aposentados e, ao mesmo tempo, recuperar o déficit previdenciário no país.

O governo federal estima que se a reforma for aprovada com o texto atual, será possível economizar, em sete anos, cerca de R$ 20 bilhões.