Bento XVI envia carta sobre padres irlandeses pedófilos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 19 de março de 2010 as 11:39, por: cdb

O Papa Bento XVI enviou nesta sexta-feira uma carta pastoral para os católicos da Irlanda com orientações sobre como evitar e punir padres que abusem sexualmente de crianças.

A carta foi escrito depois da revelação, no ano passado, de casos de pedofilia dentro da Igreja Católica irlandesa, que abalaram a instituição na República da Irlanda.

Escândalos envolvendo padres católicos também foram relatados em vários outros países, entre eles a Alemanha, terra natal de Bento XVI.Não se sabe se esta carta – a ser lida nas missas do próximo domingo – inclui um pedido de desculpas.

Segundo a BBC, recentemente, o Vaticano denunciou tentativas de ligar o papa ao escândalo de abuso de crianças por padres católicos na Alemanha. Sua antiga diocese afirmou que ele, aprovou uma vez, inconscientemente, o abrigo para um padre acusado de abusar de crianças.

Nos últimos meses, escândalos de pedofilia também abalaram a Igreja Católica na Holanda, Suíça e Áustria.

Segundo o correspondente da BBC em Roma David Willey, as medidas decididas pelo papa vão ter influência muito mais ampla do que apenas na República da Irlanda.

O Papa disse na quarta-feira, em meio aos escândalos de abusos sexuais cometidos pelo clero europeu, que sua iminente carta sobre o assunto irá “ajudar no arrependimento, na cura e na renovação”.

Falando em inglês a peregrinos e turistas na praça de São Pedro, o papa anunciou que na sexta-feira assinará a aguardada carta pastoral que trata do escândalo de pedofilia na Irlanda.