Beneficiárias de Transferência de Renda participam de encontro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 9 de março de 2012 as 14:52, por: cdb

Beneficiárias de Transferência de Renda participam de encontro

Escrito por N.comSex, 09 de Março de 2012 17:35

Cerca de 200 pessoas participaram do evento, que fez parte da programação da 20ª Semana da Mulher

A Prefeitura de Londrina, por meio das Secretarias Municipais de Assistência Social e de Políticas para as Mulheres promoveu, na tarde desta sexta-feira (9,) o Encontro de Mulheres do Programa Municipal de Transferência de Renda.  A abertura do evento teve a participação do grupo teatral “Caos e Acaso” encenando a peça “O Amor é mesmo assim?”. Na apresentação foi abordada  a temática da violência contra a mulher.

Na solenidade, o prefeito Barbosa Neto destacou a atenção que sua administração tem dado à causa da mulher. “No nosso governo criamos o Plano Municipal de Políticas para Mulheres. O trabalho da Secretaria da Mulher, que  passou a ser chamada de Secretaria de Políticas para  as Mulheres, foi consolidado através de lei aprovada na Câmara Municipal. Ninguém mais vai tirar isso da mulher londrinense”, enfatizou.

Barbosa Neto destacou ainda as outras ações realizadas pela atual administração contemplando as políticas para mulheres, como a reforma da Maternidade Municipal, a criação do Programa Auxílio Natalidade, o aumento do repasse de recursos para as creches filantrópicas, a reforma das unidades do Projeto Viva Vida, a criação do Projeto Futuro com 150 polos poliesportivos espalhados pela cidade, entre outros.

A secretária municipal de Assistência Social, Jacqueline Micali, falou da importância do evento. “O objetivo do encontro é reafirmar a parceria da Secretaria da Assistência Social com a Secretaria de Políticas para as Mulheres e as beneficiárias do programa, integrando assim as políticas públicas direcionadas para a mulher”, destacou

A secretária municipal de Políticas para as Mulheres, Sueli Galhardi, reafirmou a parceria. “Gostaria de lembrar que o grande público da Assistência Social são mulheres. Como a política para mulheres é transversal, promover este Encontro é uma forma de integrar as secretarias e as políticas”, afirmou,

Maria Aparecida Pereira, uma mãe beneficiária, moradora da Vila Portuguesa, falou da importância do Programa. ‘Graças ao trabalho da Assistência Social que cuida do Projeto Viva Vida eu tenho onde deixar meu filho para trabalhar.  É uma tranquilidade poder trabalhar sabendo que o filho da gente está sendo cuidado, se alimenta na hora certa, e ainda está sendo orientado pelas educadoras. A maior parte de nós somos pais e mães. Então esse trabalho é muito importante para nós”, disse.

 A ex empregada doméstica Maria Inês G. da Silva, atendida pela Casa da Mulher, fez o curso de Confecção e Modelagem e agora pretende fazer Informática. Ela tem como meta fazer o curso de Técnico em Vestuário. Maria Inês não escondeu o entusiasmo. “O tema da minha vida é mudança. Antes eu nem sabia que existia uma vida lá fora.  Quero mudar, ampliar meus horizontes”, enfatizou.

Além do prefeito e de secretários municipais, cerca de 200 pessoas participaram do evento que fez parte da programação da 20ª Semana da Mulher.

Fotos: Luiz Jacobs