Bebeto de Freitas vai escapar de prisão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 26 de novembro de 2003 as 23:11, por: cdb

O diretor-jurídico do Botafogo, Vantuil Gonçalves, garantiu nesta quarta-feira que o presidente Bebeto de Freitas não corre o risco de ser preso pela dívida de R$ 15.531,00 que o clube tem com Carine Almeida Marques, ex-secretária do clube, demitida em 2002.

Na terça-feira, o juiz da 23ª Vara de Trabalho, Nilton Rebello Gomes, expediu decisão estabelecendo que Bebeto, representante legal do Botafogo, seria preso, caso o clube não quitasse a dívida até as 16h desta quarta-feira.

– Este juiz não tem embasamento legal para decretar uma prisão. De qualquer forma, já tomamos todas as medidas judiciais cabíveis. Entramos com um habeas-corpus preventivo. O Bebeto não corre o risco de ser preso – garantiu Vantuil, ressaltando que a dívida com Carine nasceu na administração de Mauro Ney Palmero, antecessor de Bebeto.

O juiz Nilton Rebello Gomes, no entanto, afirmou que expedirá o mandado de prisão ao presidente alvinegro caso não receba nesta quinta o comprovante de pagamento da dívida.

Segundo Vantuil, o valor ainda não foi pago, mas o clube espera entrar em contato com Carine buscando uma forma de efetuar o pagamento. “Vamos tentar uma negociação amigável”, contou Vantuil.

Só que a ex-funcionária não parece disposta a negociar. O advogado de Carine anexou uma petição ao processo pedindo a prisão de Bebeto, caso a dívida não seja paga até esta quinta-feira.