Barueri moderniza as salas de informática para seus alunos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012 as 11:20, por: cdb

29/02/2012«-»» Barueri moderniza as salas de informática para seus alunos   Estudantes durante aula de informática

A Prefeitura de Barueri, pensando no futuro dos seus alunos, está modernizando as salas de informática das suas 92 escolas da rede municipal, com equipamentos como projetores e programas de computadores Linux e Windows 7. Até o momento, o governo municipal já entregou 500 mesas equipadas com os novos computadores. Essas mesas foram projetadas pela Secretaria de Educação de Barueri, para dar ao aluno maior conforto.

 

Os computadores possuem também programas e acervos que vão ao encontro das diretrizes básicas da educação, estabelecidas pelo MEC (Ministério da Educação e Cultura). Os alunos também têm também acesso à internet, monitorada pelo professor de informática.

 

Programas pedagógicos

Os softwares pedagógicos contêm 65 atividades educacionais, envolvendo disciplinas como lógica, ciência, geografia, inglês, francês, português e matemática; hinos do Brasil; 2.694 arquivos em PDF de obras de domínio público; e 734 vídeos em áreas como história, geografia, artes, música, ciências, educação física e saúde.

 

O professor de informática, José Aparecido Ferreira, da escola Elizabeth Parminondi Romero, do Jardim Graziela, fala que prepara a aula no computador em cima do que os alunos estão aprendendo em sala. “Essa é uma forma de auxiliar ainda mais o aprendizado dos alunos, e eles aprenderem na prática.”  

 

Alunos aprovam

Os alunos aprovaram as mesas e falaram como as atividades com computadores melhoraram as aulas. “Já faço aula particular de informática, mas estou aprendendo muito aqui na escola. As aulas ficaram mais interessantes”, disse o estudante Ricardo Gomes, do 7º ano da escola Professor Gilberto Florêncio, da Vila Morelato.

 

Já para a estudante Evelyn Gomes dos Santos Silva, do 2º ano da escola Elizabeth Parminondi Romero, do Jardim Graziela, o uso do computador auxiliou no aprendizado de ortografia. “Aprendi escrever palavras difíceis no computador, como helicóptero, e a formar frases.”

Fotos   Secretaria de Comunicação Social