Avião desaparece na Amazônia peruana com 46 a bordo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 9 de janeiro de 2003 as 18:28, por: cdb

Um avião da companhia comercial TANS, pertencente à Força Aérea Peruana, desapareceu nesta quinta-feira com 46 pessoas a bordo – 42 passageiros e quatro tripulantes -, quando sobrevoava a Amazônia.

O avião, um Fokker F-28, perdeu contato com a torre de controle quando iniciava os procedimentos para aterrissar em Chachapoyas, no norte do Peru, a 650 quilômetros da capital, Lima.

O comandante do vôo 222 comunicou-se pela última vez com o aeroporto às 8:43, hora local, e pediu socorro. Faltavam apenas três minutos para o pouso.

O porta-voz da TANS, Jorge Belevan, informou que aeronave havia decolado da cidade de Chiclayo, no litoral do Peru, e tinha combustível suficiente para pousar em um aeroporto alternativo, se fosse o caso.

A Força Aérea Peruana iniciou operações de busca ao avião, mobilizando helicópteros para vasculhar a região de selva.

A TANS entrou em operação em 1999 e, segundo o site Airsafe.com – especializado em segurança aérea – nunca registrou um acidente fatal.

O Fokker F-28 tem duas turbinas e capacidade para 85 passageiros. O primeiro vôo do modelo aconteceu em 1967.