Atriz questiona risco de gravidez múltipla

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 12 de outubro de 2009 as 15:28, por: cdb

Jennifer Aniston comentou com jornalistas, nesta segunda-feira, que ainda pretende fazer inseminação artificial para ter um filho. Ela, no entanto, estaria avaliando os riscos de uma gravidez múltipla, um dos maiores efeitos colaterais deste procedimento, segundo o médico George Grunert, um dos mais prestigiados especialistas em fertilidade em Huston, Texas.

O método utilizado pelo clínico e pela maioria dos médicos desta especialidade é a injeção de esperma no útero da paciente após uma série de aplicações de hormônio. A forma de inseminação, considerada a mais segura, produz bebês saudáveis, mas há sempre o risco de que mais de o óvulo ser multiplamente fecundado.

De acordo com jornalistas do site Female First, a atriz pode usar o esperma de um doador, se não houver outro jeito de engravidar, embora ela e o ator Gerard Butler tenham sido vistos juntos ultimamente, em eventos sociais de Hollywood. Ambos desmentiram a existência de qualquer relacionamento, mas Aniston confirma o desejo de parar um pouco com a carreira para se dedicar à maternidade.

– Eu estou pronta para qualquer coisa. Eu não descarto nada. Não seria minha primeira escolha – disse a atriz.

Aos 41 anos, a Jennifer garante não estar minimamente assustada com a idade:

– É verdade que ficamos melhores com a idade. Sei muito mais do que sabia aos 30 anos. É muito bom. Como se pudesse finalmente começar a viver – acredita.