Atividades da Semana da Mulher chegam à ESF Augusta Menghini

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 8 de março de 2012 as 16:00, por: cdb

Nesta quarta-feira (7), as atividades da Semana da Mulher chegaram a Estratégia de Saúde da Família (ESF) Augusta Meneghini. Na ocasião, a secretária de Saúde, Indianara Franco, compareceu ao posto e conferiu o bom funcionamento das atividades.

Os moradores da região puderam usufruir de várias especialidades, como: verificação da pressão arterial, coleta do exame citopatológico, vacinação, hiperdia, programa Saúde da Mulher, Meninas de Viamão, da Criança e Bucal. Além de uma novidade, agora os viamonenses podem fazer exames preventivos de DST/AIDS de maneira mais rápida e prática, sem estar em trabalho de parto como ocorre no hospital de Viamão. O procedimento está em experiência e, segundo a médica sanitarista, Letícia Ikeda, este exame é eficiente e o resultado sai em 20 minutos.

Para a especialista, o teste pode ser comparado com o da diabetes, pois o procedimento é o mesmo, através da pulsão digital. Sobre o exame em si, ela explicou: “São realizados dois testes, se o resultado dos dois for positivo, é comprovado o contágio da doença e novos procedimentos entram em ação.” Lembrando que antes do exame é realizado todo um aconselhamento, sendo que após o contágio, pode levar até três meses para a doença aparecer nos exames. “Acreditamos muito nesse novo procedimento, pois além de ser uma maneira bem mais rápida de diagnóstico, só leva benefícios a população.”

O teste estará sendo implantado, primeiramente, em cinco unidades de saúde, até que chegue a um patamar em que todos os postos possam utilizar o mesmo. Para a secretária Indianara, tudo isso é inovação, e só trará melhorias para a saúde dos viamonenses.

Mas não é apenas a secretária que está satisfeita com as melhorias. As moradoras da Augusta Meneghini, Juliana Mota e Erci da Silva falaram sobre o assunto. A jovem Juliana, de 26 anos, tem plano de saúde, mas afirma não utilizá-lo mais, pois o ESF da Augusta Meneghini está muito bem organizado, com uma ótima estrutura e atendimento de qualidade. “Eu, como mãe, quero qualidade para a saúde de minha filha e aqui no ESF, tenho confiança nos profissionais que atendem minha pequena”, completa.

Erci, de 51 anos, elogiou muito, tanto a nova coordenação de Claudiomir da Rosa, como o atendimento rápido e eficiente dos profissionais da ESF. “Lembro que teve um caso de meningite na família e a vigilância sanitária foi impecável em seus serviços, desde os remédios até as orientações. E ainda acrescenta: “Nunca tinha utilizado do atendimento do posto, mas de hoje em diante, sempre que eu precisar ou minha família, o ESF será meu ponto de referência.”

Texto e fotos: Tamires Fonseca

##gallery-1 .gallery-item {float: left;margin-top: 10px;text-align: center;width: 20%;}##