Às vésperas de ser julgado, advogado diz que Mubarak está com câncer de estômago

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 20 de junho de 2011 as 10:37, por: cdb

Renata Giraldi*
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O ex-presidente do Egito Hosni Mubarak, 83 anos, está com câncer no estômago, segundo informou o advogado dele, Farid Al Dib. Internado em um hospital desde 13 de abril, Mubarak sofreu uma parada cardíaca durante um interrogatório e está com julgamento marcado para daqui a dois meses. Em março do ano passado, o ex-presidente fez uma cirurgia para a retirada da vesícula biliar e de um pólipo do duodeno.

A Procuradoria-Geral do Egito, que pediu a transferência de Mubarak para uma prisão no Cairo, reconheceu que o estado de saúde dele não permite a saída do hospital. Alaa e Gamal, filhos do ex-presidente, estão detidos preventivamente na prisão de Tora e também devem ser julgados. A ex-primeira-dama Suzanne está em liberdade depois de pagar US$ 4 milhões ao Estado.

Mubarak renunciou em 11 de fevereiro, depois de ser alvo de protestos violentos e pressão da comunidade internacional. Ele se manteve no governo por cerca de 30 anos. De acordo com dados oficiais, 846 pessoas foram mortas nos 18 dias de manifestações em várias cidades egípcias. Os protestos no país estimularam reações semelhantes no Norte da África e Oriente Médio.

No julgamento em agosto, Mubarak responderá às acusações de responsabilidade pelas mortes de civis durante os protestos. De acordo com o ministro da Justiça, Abdel Aziz Al Guindi, caso Mubarak seja considerado culpado, ele poderá ser condenado à morte.

O advogado de Mubarak nega que o ex-presidente tenha dado ordem para a utilização da força ou de balas contra os manifestantes. Mas o ex-chefe dos Serviços de Informações

Omar Suleiman afirmou que Mubarak tinha “perfeito conhecimento de cada bala disparada”. A lista de investigados do governo do ex-presidente se estende a colaboradores e empresários.

 

*Com a agência pública de notícias de Portugal, a Lusa   //   Edição: Lílian Beraldo