Argentina: Londres deve esclarecer armas nucleares nas Malvinas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 14 de março de 2012 as 07:35, por: cdb

Durante reunião com o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Antonio Patriota, o chanceler argentino, Héctor Timerman, manifestou ao governo brasileiro a preocupação de que o Reino Unido mantenha armas nucleares como submarinos na região.
“Conversamos sobre a preocupação de que uma potência externa se negue a informar se introduziu armas nucleares na região”, disse Timerman.

O Brasil apoia o país vizinho e, junto com os outros países do Mercosul, estabeleceu um bloqueio a navios de bandeira britânica.

“Evidentemente, eu reafirmei o apoio firme e inequívoco que é do Brasil, mas que é da região como um todo, à reivindicação argentina sobre a soberania das Ilhas Malvinas”, disse Patriota.

Timerman aproveitou para agradecer o apoio “constante e sincero” do Brasil. De acordo com o chanceler, a questão será discutida no encontro de ministros da Zoopacas (Zona de Paz e Cooperação do Atlântico Sul) — que reúne países sul-americanos e africanos banhados pelo oceano — , em 10 e 11 de maio, em Montevidéu, no Uruguai.

Da Redação do Vermelho, com agências

 

..