Argentina analisa possível anulação das leis do perdão aos militares

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 6 de agosto de 2003 as 02:01, por: cdb

A Suprema Corte de Justiça argentina está analisando a possível anulação das leis do perdão aos militares que atuaram entre 1976 e 1983, durante os chamados anos de chumbo.
 
O presidente Néstor Kirchner defende que a Suprema Corte revogue esta legislação, aprovada pelo Congresso Nacional, em 1987.

Ao mesmo tempo, os familiares das vítimas imploram por justiça.
É o caso do marido e dos filhos da ex-dona de casa e voluntária da Igreja católica, Liliana Sofía Barrios, seqüestrada aos 20 anos, quando estava grávida de quatro meses.