Aposentado morre vítima de bala perdida no conjunto do Alemão, no RJ

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 11 de maio de 2007 as 18:06, por: cdb

Um aposentado de 65 anos morreu depois de levar um tiro nas costas no conjunto do Alemão, no subúrbio, nesta sexta-feira. Segundo a Secretaria municipal de Saúde, Wilson Félix Pereira deu entrada no Posto de Assistência Médica de Ramos e morreu no local. A Polícia Militar acredita que Wilson estava na laje de casa quando levou o tiro.

Além de Wilson, um jovem de 20 anos também morreu nessa sexta. Armando Carvalho de Moraes morreu no Hospital Getúlio Vargas, na Penha, subúrbio do Rio, com um tiro de fuzil na perna. Segundo a polícia, ele seria um traficante da região.
 
Os confrontos entre policiais e criminosos nas regiões do conjunto de favelas do Alemão e da Vila Cruzeiro deixaram outras duas pessoas feridas nessa sexta-feira. Um jovem de 16 anos foi ferido em Nova Brasília, favela que fica no conjunto do Alemão. Franklin de Sousa Azevedo ajudava um vizinho, quando foi atingido na perna. A mãe de Franklin informou que a polícia só aceitou levar Franklin para o Hospital Getúlio Vargas depois de um longo interrogatório. Segundo ela, o objetivo dos policiais era descobrir se Franklin era traficante ou não da região.
 
Uma outra pessoa também foi ferida nesta sexta por causa de confrontos nas proximidades da Vila Cruzeiro. José Alexandre Silva, de 56 anos, deu entrada no Hospital Getúlio Vargas, atingido por uma bala perdida. Segundo Marcelo Luis da Silva, que é sobrinho da vítima, ele estava indo para casa quando um carro da polícia entrou na rua atirando. Marcelo afirmou, ainda, que na troca de tiros, uma das balas entrou em sua casa e atingiu a parede. A irmã de Marcelo, Lidiane do Carmo Nascimento Silva, de 27 anos, que estava na cozinha, desmaiou de susto e também foi levada para o hospital.