Após acordo com subprefeitura, manifestantes liberam avenida na zona sul de São Paulo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 4 de março de 2011 as 12:40, por: cdb

São Paulo – Os cerca de 2 mil manifestantes que bloqueavam a Avenida M’Boi Mirim nas imediações do Largo de Piraporinha, na zona sul da capital paulista, deixaram o local por volta das 12h30. Eles decidiram encerrar o protesto depois que representantes do grupo se reuniram com o subprefeito de M’Boi Mirim, Edilberto Ferreira Beto Mendes. Os manifestantes reivindicavam melhorias no transporte público e no tráfego da região.

Após o encontro, foi acordado que a prefeitura de São Paulo irá discutir a volta das linhas de ônibus tiradas da região no final do ano passado; a ampliação da faixa reversível (que permite que os carros trafeguem na mão oposta durante os horários de pico); a elaboração de um estudo para diminuir os semáforos da área; e a realização de pesquisa para a implantação de uma passarela em frente ao Hospital M’Boi Mirim.

“Várias coisas que foram discutidas [no passado, com líderes comunitários locais] já foram implantadas. Por exemplo, a faixa reversível, e já está em um projeto executivo uma avenida da Ponte Baixa, que foi discutida exaustivamente com as lideranças daqui”, disse o subprefeito. Ficou programada uma nova reunião entre as lideranças e a prefeitura na próxima sexta-feira.

O protesto, feito pelos moradores do bairro Piraporinha, ocorreu das 7h20 até as 12h30. Segundo a Polícia Militar (PM), cerca de 2 mil manifestantes bloquearam a avenida M’Boi Mirim nos dois sentidos (bairro-centro e centro-bairro), na altura do número 1.000, nas imediações do Largo de Piraporinha.

De acordo com a PM, o ato foi pacífico, mas causou transtornos no trânsito na região. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) chegou a fazer um desvio para os motoristas que trafegam no sentido centro, passando pelas ruas Comendador Santana, Avenida Elis Maas, Estrada de Itapecerica e Avenida João Dias, e também no sentido bairro – Avenida Guarapiranga, Avenida Guido Caloi, Ponte Transamérica, Avenida João Dias, Estrada de Itapecerica, Avenida Elis Maas e Rua Comendador Santana.

Edição: Juliana Andrade