Angelina Jolie ajuda a construir escola para meninas afegãs

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 20 de março de 2010 as 20:00, por: cdb

O início do ano escolar no Afeganistão, marcado para a próxima segunda-feira, 22 de março, terá significado especial para algumas meninas da região de Tangi, na província de Nangarhar, ao leste do país. Elas acabam de ganhar uma escola primária exclusiva, inaugurada um ano e meio após visita da Embaixadora da Boa Vontade do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, Angelina Jolie.

Entusiasmo

A atriz norte-americana doou US$75 mil, mais de R$130 mil, para a construção de oito salas de aula, quatro prédios administrativos e espaço para abrigar 800 alunas em dois turnos. Segundo o Acnur, a escola foi recebida com entusiasmo pelos pais das meninas, já que muitos se recusam a enviar as filhas para instituições frequentadas por meninos.

Escolas construídas na região há dois anos pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, fornecem educação primária a 1,3 mil alunos. Meninos estudam na parte da manhã e meninas à tarde.

Inadequadas

Mas, de acordo com o Acnur, a solução não era considerada satisfatória para a maioria dos pais, que classificavam as instalações como inadequadas. O Acnur informa que está estimulando o recrutamento de professoras e distribuição de livros.

Existem três assentamentos em Tangi, com 7,8 mil famílias que retornaram do Paquistão nos últimos cinco anos. Apenas duas meninas frequentam a escola secundária.