Alckmin admite receber Beira-Mar de volta “em caso de emergência”

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 4 de abril de 2003 as 10:55, por: cdb

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, reafirmou nesta sexta-feira em entrevista à radio CBN, que pode receber novamente o traficante Fernandinho Beira-Mar em “caso de emergência”.

Nesta quinta-feira, em matéria publicada pelo jornal Diário de São Paulo, o governador havia declarado esta possibilidade e disse que o estado está à disposição do Governo Lula para a construção de uma penitenciária federal.

Segundo a reportagem, Alckmin não concorda com a permanência definitiva do traficante em São Paulo por acreditar que os presos devem cumprir pena nos estados de origem.