AI PEDE QUE A ITÁLIA RESPEITE OS DIREITOS HUMANOS EM LAMPEDUSA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 22 de setembro de 2011 as 12:57, por: cdb

ROMA, 22 SET (ANSA) – A Anistia Internacional (AI) declarou hoje “estar muito preocupada” com a situação na ilha italiana de Lampedusa e pediu às autoridades italianas que respeitem os direitos humanos nas decisões que serão tomadas em relação aos imigrantes que se encontram no local.
   
A organização manifestou estar “muito preocupada pela situação gerada em Lampedusa nos últimos dias” e pediu às autoridades que “assegurem uma reposta que respeite os direitos humanos de todas as pessoas que estão na ilha, tanto os moradores como os imigrantes e refugiados”.
   
A organização destacou “o exemplo de profunda solidariedade e humanidade” oferecido pelos moradores da ilha.
   
A AI expressou que “não julga nunca admissível a violência por parte de qualquer um e defende que os fatos atuais não podem ser utilizados para justificar o recurso de comportamentos que violem os direitos humanos de imigrantes e solicitantes de asilo”.
   
O governo italiano iniciou hoje a retirada de imigrantes ilegais da ilha italiana após os confrontos entre tunisianos, forças de segurança e moradores registrados ontem nos quais ao menos dez pessoas ficaram feridas.
   
As pessoas serão levadas para outras localidades para depois serem repatriadas.(ANSA)