Acordo com a AES não abre precedente, diz Darc Costa

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 10 de setembro de 2003 as 16:59, por: cdb

O acordo com a AES não abre precedente para o exame de outras empresas do setor elétrico que se encontram em situação financeira complicada. “Não tem nada a ver”, afirmou o vice-presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Darc Costa, assegurando que o entendimento com a AES, controladora da Eletropaulo, que atende 16 milhões de clientes, tratou de uma cooperação específica.

O vice-presidente do BNDES participa à tarde do seminário “A Cooperação Sul-Americana”, promovido pela Fundação Perseu Abramo e a Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ).