ACM apresenta projeto que muda horário de verão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 5 de janeiro de 2004 as 18:07, por: cdb

O senador Antônio Carlos Magalhães (PFL-BA) apresentou projeto de lei que obriga o Executivo a, quando adotar o horário de verão, estendê-lo a todo o território nacional. O parlamentar justificou que o horário de verão adotado parcialmente gera prejuízos a vários tipos de atividades econômicas, entre elas as instituições financeiras, os setores de transportes interestaduais, o turismo e as comunicações.

– Historicamente, o horário de verão consolidou-se como importante instrumento de economia de energia, notadamente nos momentos de crise energética por que passou o País nos últimos anos. É importante ressaltar que, como demonstro mais adiante, a adoção do horário de verão para todo o território nacional não traria prejuízos financeiros, nem tampouco acréscimo no consumo de energia – afirmou o senador.

Ganhos

Citando dados divulgados pelo Ministério de Minas e Energia, compilados pelo Operador Nacional do Sistema de Energia Elétrica (ONS) e publicados no relatório Expectativa dos Efeitos do Horário de Verão 2003/2004, o senador baiano disse que a adoção do horário de verão sempre proporciona algum benefício de economia aos estados. Baseado no mesmo documento, Antônio Carlos disse que apenas as regiões mais próximas da linha do Equador não teriam ganhos significativos com o horário de verão.