AAA 25 de Agosto de 2011 – 17h22 A esquerda debate novos rumos em meio à crise

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 25 de agosto de 2011 as 15:50, por: cdb

Buscar novos caminhos para a esquerda brasileira. Esse é um dos pontos que serão discutidos no 1º Debate Caros Amigos sobre a Esquerda no Brasil, que acontece terça-feira (30) no Teatro da Universidade Católica de São Paulo (TUCA) Arena, em São Paulo.

Deborah Moreira, da redação  

Para o historiador Wagner Nabuco, que é diretor-geral da Caros Amigos, o encontro pretende provocar uma discussão sobre o papel das forças de esquerda no cenário atual de crise.

“Não vivemos somente uma crise econômica, do capitalismo. É uma crise de valores, de perspectivas. A juventude está tomada pelo consumismo e precisa ser despertada. Cabe, então, uma reflexão sobre os desafios e propostas dos chamados grupos de esquerda no contexto brasileiro atual”, explica Nabuco, organizador do debate.

Nabuco faz questão de contextualizar o atual cenário de crise para lembrar que foi em momentos como este que o mundo entrou em guerra. “Não há como prever uma guerra, mas é possível fazer uma análise ao longo do tempo e observar que estamos diante de uma situação de barbárie iminente. Por isso precisamos fortalecer as forças progressistas e buscar alternativas”, completa o diretor-geral da publicação.

Para dar força ao debate, reforçando o confronto de ideias, representantes de diversos setores comporão a mesa. São eles: Gilmar Mauro, dirigente nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST); dos professores Maria Victoria Benevides (socióloga) e José Arbex (jornalista); dos jornalistas e cientistas políticos Nilmário Miranda, da Fundação Perseu Abramo e José Reinaldo Carvalho, da direção do PCdoB. O mediador será Hamilton de Souza, jornalista e editor da revista.

“A realização do debate é algo oportuno e alvissareiro. O Brasil precisa muito de uma esquerda consequente, política e ideologicamente bem formada, eleitoralmente influente, com capacidade de luta e ligação com o povo. O debate de ideias é fundamental. A fixação do objetivo socialista e de plataformas de convergência também”, avalia José Reinaldo Carvalho, também diretor de redação do Vermelho.

José Reinaldo lembra que a luta pelo socialismo e o credenciamento da esquerda como força capaz de protagonizar esforços por mudanças profundas e estruturais na sociedade passa pelo entendimento em torno das lutas pela soberania nacional, pelo aprofundamento da democracia, pelo progresso social. “é preciso isolar e combater o imperialismo e as classes dominantes internas reacionárias”, completa o secretário de Comunicação do PCdoB.

Edição Especial

A atividade faz parte da comemoração do lançamento da Edição Especial Dilemas e Desafios da Esquerda Brasileira da Revista Caros Amigos. Entre os textos da edição, que já está nas bancas, destaque para a trajetória da esquerda brasileira feita pelo sociólogo Chico de Oliveira. Outros textos, como os dos presidentes do PCdoB, Renato Rabelo; do PDT, deputado federal André Figueiredo (em exercício), e do secretário-geral do Psol, Afrânio Boppré, defendem e reforçam a tese de que é chegado o momento de uma nova ordem internacional e por um novo sistema econômico e social, o socialismo.

E os sindicatos e entidades do mundo do trabalho, como se organizam diante das mudanças na legislação desde a década de 1990? Em um texto intitulado A necessária rearticulação da agenda e da combatividade, sindicalistas e acadêmicos opinam sobre as posições e reivindicações das categorias.

Em outro texto, as novas gerações que vêm sacudindo o cenário político internacional com mobilizações em todo o mundo são lembradas.

1º Debate Caros Amigos sobre a Esquerda no Brasil
Terça-feira (30), às 20h30, no Tuca Arena – Rua Bartira, 1.024, Perdizes.
Inscrições (gratuitas) pelo email: aesquerdabrasileira@carosamigos.com.br. Vagas limitadas (200 lugares).