AAA 22 de Setembro de 2011 – 19h46 Líbia: Ataques da Otan matam 151 civis em Sirte

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 22 de setembro de 2011 as 17:22, por: cdb

O porta-voz do líder deposto da Líbia Muammar Kadafi disse nesta quinta-feira que os ataques aéreos da Otan e os bombardeios realizados por forças do governo interino contra a cidade de Sirte na quarta-feira e nesta quinta-feira (22) mataram 151 pessoas.
Em entrevista durante um telefonema via satélite para agências ocidentais em Túnis, Moussa Ibrahim também disse que o principal hospital da cidade já está sem energia elétrica e suprimentos médicos.

A cidade de Sirte está praticamente sem comunicações e cercada pelas forças leais à Otan, que insiste ter atacado alvos “militares”, mesmo sem qualquer prova física evidente.

“Entre ontem e a manhã de hoje, 151 civis foram mortos dentro de suas casas, quando os foguetes e outros explosivos caíram sobre suas cabeças”, disse Ibrahim. “O hospital da cidade parou de funcionar completamente na noite de ontem. Os pacientes morreram simplesmente porque nada podia ser feito para ajudá-los.”

Como seria de se esperar, Moussa Ibrahim falou de uma localização não revelada, já que é caçado pelas forças golpistas. Ibrahim também acusou, na semana passada, o Pacto Militar ocidental pela morte de 354 pessoas, que estavam em um prédio residencial e um hotel de Sirte. Na ocasião, um porta-voz disse que a Otan estava ciente do ataque, mas que o alvo não era “civil”.

Com agências