5.ª Procissão de São Jorge e Ogum deve reunir mais de 300 participantes

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 19 de abril de 2012 as 11:28, por: cdb

Uma caminhada luminosa, guiada por cavaleiros acompanhada do caminhão da Unidade de Corpo de Bombeiros de Canoas e religiosos, vai ser um dos pontos altos da 5.ª Procissão de São Jorge e Ogum, que se realiza nesse domingo, 22. A coordenadoria municipal de Políticas para a Diversidade, que organiza esse evento, tem expectativa de reunir mais de 300 pessoas – entre fiéis, lideranças e simpatizantes.

O evento tem abertura por volta das 18h, na Praça do Avião, com um ato inter-religioso. Entidades afro-ubandistas, católicas, espiritas e simpatizantes estão confirmadas para esse evento. O roteiro envolve a saída pela R. Ipiranga, passando pelas ruas 15 de janeiro, Camuru e Caetés. No Sindicato dos |Metalúrgicos de Canoas, ponto final desse evento, vai ser realizado um ritual de Umbanda.

Tradição, Fé e Cultura

A 5.ª Procissão de São Jorge e Ogum já é um evento tradicional, que marca a aproximação e convivência entre diferentes religiões. A 4ª Procissão de São Jorge e Ogum, realizada em 2011, reuniu mais de uma centena de participantes, em uma festa iluminada pelas ruas centrais da cidade (Foto).

No final da procissão também serão realizadas atividades culturais como o Coral Associação Universalista Luz de Aruanda, Pretos Velhos da Vivência (Mestre Chuca), Luciara Batista e Harmonia, da Escola de Samba Acadêmicos de Niterói (interpretando a música “À Ogum). O evento também vai contar com um ritual de umbanda e entrega de homenagens (certificados e troféus).

Além de lideranças religiosas e outros fiéis, também participam da procissão o carro do Corpo de Bombeiros e tradicionalistas cavaleiros. A iniciativa conta como apoio do Sindicato dos Metalúrgicos, da Serigrafia Nagira e do Jornal Grande Axé. A concentração para o evento tem início às 18h, em frente á praça Santos Dumont (Praça do Avião), com saída às 19h.

Sincretismo

O sincretismo, expressado na procissão de São Jorge e Ogum é uma fusão de doutrinas de diversas origens, seja na esfera das crenças religiosas, seja nas doutrinas filosóficas. Em Salvador, (BA), São Jorge foi sincretizado a Oxossi. Na religião da umbanda, o santo é associado a Ogum.

 

 

Crédito da notícia: Ronaldo M. Botelho