18 escolas incendiadas e quatro militares mortos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 4 de janeiro de 2004 as 08:16, por: cdb

Quatro soldados morreram este domingo, atacados por desconhecidos em um complexo militar no Sul da Tailândia, e 18 escolas foram incendiadas na maior escalada de violência dos últimos meses nessa região de maioria muçulmana, informou a polícia.

“Um grupo de 30 homens armados lançou uma série de ataques em nove distritos de duas províncias no Sul da Tailândia este domingo de manhã”, informou o porta-voz do Exército, coronel Somkuan Saengpattaranetr.


Vários dos assaltantes entraram em uma base militar na província de Narathiwat, fronteiriça com a Malásia, onde mataram os soldados e roubaram armas, acrescentou o porta-voz.


Somkuan não conseguiu especificar o número de armas roubadas, mas a imprensa tailandesa deu conta de 100 pistolas.


Nenhuma pessoa foi ferida no incêndio das 18 escolas, das quais 16 situadas em Narathiwat e duas na vizinha província de Yala. Dois postos de controle policial também foram incendiados no ataque, acrescentou o porta-voz.