12 pessoas morrem em explosão de bomba em Mindanao

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 5 de janeiro de 2004 as 02:07, por: cdb

Pelo menos 12 pessoas morreram e 67 ficaram feridas na explosão de uma bomba, no último domingo, em um estádio poliesportivo em Parang, na ilha filipina de Mindanao (sul), de acordo com um novo balanço das vítimas divulgado nesta segunda-feira pela polícia local.

Entre os feridos, está o prefeito de Parang, Vivencio Bataga, que permanece internado no hospital, depois de sofrer lesões no rosto e nas costas, anunciou Oscar Nantes, chefe da polícia dessa localidade, situada 900 quilômetros ao sudoeste de Manila.

Nantes ressaltou que nenhum grupo assumiu a autoria da explosão e que as autoridades ainda não detiveram nenhum suspeito.

O prefeito de Parang garantiu  que o atentado, o quarto cometido contra ele em dois anos, foi realizado por seus rivais políticos às custas de civis inocentes.

A bomba explodiu no domingo à tarde, quando o prefeito, um ex-coronel do Exército, lia um discurso antes do início de uma partida de basquete, com público de 1.500 pessoas.

Bataga insistiu em que o atentado não o impedirá de se apresentar às eleições municipais de 10 de maio, quando os filipinos vão eleger presidente, prefeitos e representantes legislativos.