Yahoo irá desativar revistas digitais

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016 as 14:41, por: cdb

 

As revistas digitais da companhia que serão descontinuadas incluem as que cobrem áreas como alimentação, saúde, viagem e construção civil, disse a companhia

 

Por Redação, com Reuters – de Nova York:

 

O Yahoo disse que vai desativar suas revistas digitais como parte de um plano para simplificar seus negócios.

As revistas digitais da companhia que serão descontinuadas incluem as que cobrem áreas como alimentação, saúde, viagem e construção civil, disse a companhia.

O Yahoo disse que vai estreitar seu foco em notícias, esportes, finanças e estilo de vida.

A companhia disse mais cedo este mês que vai considerar “alternativas estratégicas” para seu negócio principal de Internet e cortar cerca de 15 %  de sua força de trabalho.

O Yahoo disse que vai desativar suas revistas digitais como parte de um plano para simplificar seus negócios
O Yahoo disse que vai desativar suas revistas digitais como parte de um plano para simplificar seus negócios

Usuários do Twitter

Edward Snowden e outros no Twitter partiram em defesa da Apple na quarta-feira, opondo-se ao pedido de um tribunal norte-americano para desbloquear um iPhone usado por um dos atiradores no ataque mortal ocorrido em dezembro em San Bernardino, na Califórnia.

“Apple” e “San Bernardino” foram tópicos de forte tendência no Twitter, seguindo a decisão do presidente-executivo Tim Cook de lutar contra a ordem de um juiz federal em Los Angeles para que a Apple dê “assistência técnica razoável” ao FBI no caso.

Cook chamou a ordem emitida no dia de “um precedente perigoso”, adicionando em declaração no site da Apple que as “implicações das demandas do governo são preocupantes”.

A resposta de Cook e da Apple à demanda foi vista positivamente de maneira geral no Twitter, de acordo com a empresa de análise de mídias sociais Zoomph.

Snowden estava entre os vários importantes ativistas de privacidade digital que mostraram apoio.

– O @FBI está criando um mundo em que cidadãos confiam na #Apple para defender seus direitos, em vez do contrário – disse em o ex-agente da CIA em seu perfil @Snowden. Snowden, acusado de violar as leis de espionagem dos EUA ao divulgar detalhes dos programas de vigilância do governo, vive na Rússia atualmente.