Vôlei de praia: Solberg e Schmidt voltam a jogar juntos em Goiânia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 25 de setembro de 2012 as 14:58, por: cdb
Vôlei
Circuito BB: Dupla reunida novamente

Uma dupla que já nasce com um título no currículo. É este retrospecto que o carioca Pedro Solberg, de 26 anos, e o brasiliense Bruno Schmidt, de 25, levarão para quadra neste final de semana, na estreia da nova parceria na temporada 2012/2013 do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia. Campeã mundial Sub-21 em 2006, a dupla é uma das atrações da etapa goiana, que acontece no Estacionamento do Flamboyant Shopping, de sexta-feira a domingo. A entrada é gratuita.

Amigos fora das quadras, Pedro e Bruno jogaram juntos pela primeira vez em 2006, quando defenderam o Brasil no Campeonato Mundial Sub-21. Com uma campanha invicta, a dupla conquistou a medalha de ouro nas areias de Myslowice, na Polônia.

Três anos depois, Pedro e Bruno reuniram-se novamente para disputar cinco etapas no Circuito Banco do Brasil e subiram ao pódio em João Pessoa (PB), em segundo lugar, Belém (PA) e Teresina (PI), em terceiro. Segundo Pedro, depois de três anos, a dupla sonha bem mais alto.

– Em 2009, nosso pensamento era apenas jogar alguns torneios. Agora a situação é bem diferente. Queremos formar um time e lutar para conquistar tudo que pudermos. Temos a mesma idade e esse objetivo em comum. Estamos mais maduros e mais bem preparados tecnicamente do que há três anos e temos tudo para formar um time forte – explicou Pedro.

A estreia da dupla deveria ter acontecido na primeira etapa da temporada, há 10 dias, em Cuiabá (MT), mas Pedro ainda se recuperava de uma fratura no pé esquerdo e não pôde jogar. Com isso, Bruno disputou o torneio ao lado de Franco (CE) e ficou em segundo lugar.

Além da estreia da nova parceria, a etapa goiana também será especial para o brasiliense pelo fato de ser a 100ª de sua carreira no Circuito Banco do Brasil. Bruno acredita que o espírito competitivo será a principal marca da nova parceria.

– É muito especial chegar a esta marca tão jovem. Espero completar 200 e depois 300 etapas no Circuito Banco do Brasil. Pedro e eu estamos muito felizes por estarmos juntos novamente e temos certeza de que fizemos a melhor opção. Somos muito competitivos e vamos levar isso para dentro da quadra. O Pedro está voltando de uma lesão séria e não queremos extrapolar nenhum passo da recuperação. Vamos trabalhar forte e deixar que as coisas aconteçam naturalmente e no tempo certo – comentou.

Além de Pedro Solberg e Bruno Schmidt, as outras 15 duplas que disputarão o título masculino da etapa de Goiânia são Bruno/Hevaldo (AM/CE), Emanuel/Edson Filipe (PR/ES), Ricardo/Pedro Cunha (BA/RJ), Evandro/Vitor Felipe (RJ/PB), Harley/Benjamin (DF/MS), Thiago/Álvaro Filho (SC/RJ), Billy/Ferramenta (ES/RJ), Fernandão/Gilmário (ES/PB), Renatão/Jorge (PB), Oscar/Luciano (RJ/ES), Moisés/Aranha (BA/SP), João Paulo/Márcio Gaudie (CE/RJ), Léo Síndice/Yuri (PR/BA), Franco/Daniel Souza (CE/RJ) e Beto Pitta/Lipe (RJ/CE).

No feminino, serão 12 equipes em ação: Juliana/Larissa (CE/PA), Ágatha/Bárbara Seixas (PR/RJ), Talita/Maria Elisa (AL/PE), Taiana/Val (RJ), Izabel/Pri Lima (PA/RJ), Lili/Rebecca (ES/CE), Shaylyn/Karin (CE/SUE), Josi/Thais (SC/RJ), Naiana/Bruna (CE/PB), Mayana/Fabíola (TO/DF), Ângela/Neide (DF/AL) e Andrezza/Chell (AM/DF).

Na sexta, será realizada a fase de grupo, com as partidas sendo disputadas entre as 8h e as 17h. No sábado, a manhã, entre 9h e 13h, será reservada às quartas de final. No fim do dia, entre 17h e 21h, acontecerão as semifinais. No domingo de manhã, as finais, também transmitidas ao vivo pela emissora, e as disputas de terceiro lugar encerrarão as disputas na capital goiana.