VENEZUELANOS NO EXTERIOR PODEM VOTAR EM PRIMÁRIAS DA MUD

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 27 de janeiro de 2012 as 12:31, por: cdb

CARACAS, 27 JUN (ANSA) – A coalizão opositora Mesa de Unidade Democrática (MUD) anunciou que os cidadãos venezuelanos que vivem no exterior poderão participar das primárias da legenda, ocasião em que será escolhido o candidato às eleições presidenciais da Venezuela.
   
“Fizemos uma disposição que se encontra na Lei Orgânica de Processos Eleitorais, a qual, em seu artigo 106, estabelece que uma das maneiras de aproximar o voto da população é através da desconcentração dos centros de votação”, disse Teresa Albanes, presidente da Comissão Eleitoral das primárias da MUD.
   
Albanes informou que, “em 30 países e 89 cidades”, terão 182 mesas de votação e o “número de venezuelano residentes no exterior que vão participar [das primárias] é de 65 mil, que representa 94% do Registro Eleitoral” dos venezuelanos que vivem fora.
   
De acordo com ela, os consulados não serão centros de votação. As mesas eleitorais serão montadas em diferentes pontos, como centros comerciais e sedes de organizações cívicas e políticas. Nos Estados Unidos, haverá o maior número de postos de votação.
   
O vencedor das primárias da MUD vai enfrentar o atual presidente venezuelano, Hugo Chávez, nas eleições marcadas para outubro. (ANSA)