Vendas de veículos pela internet é maior em Brasília

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 17 de abril de 2006 as 13:36, por: cdb
Atualizado em 14/11/16 19:46

O Distrito Federal, conhecido nacionalmente pelas grandes distâncias entre o centro comercial e os bairros residenciais, faz do automóvel um artigo importante para a vida de quem pode adquirí-lo. Para facilitar a compra do veículo, as concessionárias inovam e criam facilidades para os consumidores a ponto de, sem sair de casa, ser possível comprar um carro novo e agendar reparos com orçamentos prontos.

Carlos Virgulino, gerente de Vendas da Bravesa, autorizada Volkswagen, afirma que recebe diariamente mais de dez pedidos de revisão e compra de veículos via e-mail. A concessionária disponibiliza, por meio de página na Internet, serviços como venda de novos e semi-novos, orçamento de peças e veículos e agendamento de serviços na oficina. No site da concessionária, o cliente pode ainda entrar em contato com a diretoria pelo canal “Solta o verbo”. É um link disponibilizado na página, que permite ao usuário esclarecer dúvidas, fazer elogios ou reclamações.

Esse é um mercado que vem crescendo de forma exponencial no Brasil. Segundo dados da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Câmara-e.net), o volume de vendas no comércio on line movimentado pelo setor automotivo no último ano atingiu R$ 2,8 bilhões. A Smaff, tradicional concessionária Chevrolet em Brasília, tem uma das páginas mais visitadas pelos consumidores. De acordo com Carlos Marques, gerente de vendas da loja, são cerca de quatro mil acessos mensais. Devido à grande procura, o site da Smaff possibilita, além dos serviços de compra e revisão, o agendamento de test-drive. O cliente pode escolher o veículo de sua preferência e só comparecer à loja no horário marcado.

O Celta foi o primeiro carro brasileiro comercializado inteiramente pela Internet. O veículo popular chamou a atenção das grandes concessionárias. Hoje, lojas de veículos luxuosos como a Brasília Motors, representante da Mercedes-Benz, também investem no sistema online de vendas de automóveis e serviços. O assistente de vendas da loja, Valdo Neto, diz que a página permite aos clientes maior conforto, pois é possível marcar assistência técnica e reparos em oficina sem precisar sair de casa.

Ricardo Lima, diretor do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do Distrito Federal (Sincodiv/DF), é enfático ao comentar o aumento das vendas pela Internet: “muito positivo para o setor”, afirma. Ricardo afirma ainda que é fundamental para o setor o desenvolvimento de tecnologias que aproximem os clientes das lojas concessionárias.

O Sincodiv tem 47 empresas associadas e é filiado à Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Os sites das concessionárias aqui listadas são:

Smaff à www.smaff.com.br
Bravesa à www.bravesa.com.br
Brasília Motors à www.brasiliamotors.com.br