Vaticano desmente alerta sobre a segurança do Papa

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 30 de março de 2004 as 22:20, por: cdb

O Vaticano desmentiu na noite desta terça-feira que estivesse de sobreaviso em relação à segurança do Papa João Paulo II, por ocasião das celebrações da Páscoa. “Não há absolutamente nenhum alerta. Além disso, não é meu costume comentar este tipo de informação, sejam verdadeiras ou não”, declarou o porta-voz do Vaticano, Joaquín Navarro Valls, citado pela agência italiana Ansa.

Na tarde de hoje circularam rumores segundo os quais os serviços de segurança americanos e europeus teriam alertado o Vaticano para a possibilidade de um atentado, sugerindo que o Papa passasse a usar um colete à prova de bala nas cerimônias da Páscoa.

Funcionários do Vaticano informaram que o “papamóvel” usado por João Paulo II para se deslocar na praça São Pedro não possui vidros blindados.

O Vaticano publicou hoje a agenda do Papa para a semana da Páscoa. Na Quinta-Feira Santa, 8 de abril, ele presidirá pela manhã uma missa na basílica de São Pedro. À noite, celebrará a cerimônia que evoca a Última Ceia junto com os apóstoles.

Na Sexta-Feira Santa, João Paulo II celebrará missa à tarde na Basílica de São Pedro e depois presidirá a tradicional Via-Crúcis perto do Coliseu. No Domingo de Páscoa, o Papa oficiará a missa na praça de São Pedro e dará a bênção “urbi et orbi” (à cidade e ao mundo).