Vasco joga mal e vence apenas por 1×0

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 5 de fevereiro de 2003 as 23:44, por: cdb

Jogando muito abaixo do que pode, o Vasco venceu o Itabaiana por 1 x 0, na noite desta quarta-feira, no batistão, em Aracaju, na estréia de ambos na Copa do Brasil. O gol foi marcado pelo volante Henrique. Como castigo pelo sofrível futebol apresentado, o time terá que fazer a deficitária partida de volta pela primeira fase da competição, no dia 12 de março, em São Januário.

Mesmo com o apoio da maioria dos torcedores presentes no Batistão, o Vasco realizou uma de suas piores atuações dos últimos tempos na primeira etapa. Com 30min de jogo, o time cruzmaltino não havia chutado nenhuma bola no gol do Itabaiana.

O time sergipano, fraco tecnicamente, acabou dominando as ações da partida e teve, aos 17min, um gol do atacante Aldisson anulado por impedimento. O susto, no entanto, não abalou o Vasco, que seguiu jogando mal e ainda assistiu o Itabaiana tocar a bola por um minuto e meio aos os gritos de “olé” da torcida.

Aos 28min, o time sergipano voltou a assustar, numa falta cobrada pelo lateral esquerdo Fernando, que passou raspando o gol de Fábio. A rigor, o Vasco só criou uma chance em todo o primeiro tempo: aos 45min, Marcelinho deu um passe de calcanhar para Valdir que, na pequena área, chutou para fora.

O Vasco retornou melhor para o segundo tempo e já havia criado duas boas chances quando Petkovic cobrou um escanteio, aos 15min, Valdir raspou e cabeça e Henrique, também de cabeça, abriu o placar: 1 x 0.

Logo após o gol, foi a vez da torcida cruzmaltina gritar “olé”. Embalado, o Vasco continuou tentando chegar ao segundo gol, que não marcou por pouco em duas chances, aos 34min e 36min do segundo tempo, ambas com o atacante Valdir.

Sem objetividade no ataque, no entanto, o time não conseguiu mais criar nada e acabou vencendo pela vantagem mínima.

ITABAIANA 0 x 1 VASCO

Itabaiana
Charles; Sandro, Júnior, César Lira e Fernando; Flávio, Kempes, Rivaldo e Orlando (Alisson); Aldisson e André
Técnico: Ferreira Santos

Vasco
Fábio, Claudemir (Russo), Alex, Wellington Paulo e Edinho; Henrique, Bruno Lazaroni, Léo Lima (Souza) e Petkovic; Marcelinho e Valdir (Anderson)
Técnico: Antonio Lopes

Data: 5/2/2003 (quarta-feira)
Local: Estádio Batistão, em Aracaju
Juiz: Lourival Dias Lima Filho (BA)
Cartões amarelos: Henrique, Orlando e Alisson
Gols: Henrique, aos 15min do segundo tempo