Vanessa Grazziotin comunica resoluções do Comitê Central do PCdoB 

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 21 de março de 2011 as 13:40, por: cdb

A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) comunicou ao Plenário nesta segunda-feira (21) as resoluções aprovadas pelo Comitê Central do Partido Comunista do Brasil em reunião do Diretório Nacional nesse fim de semana em São Paulo. De acordo com a senadora, a legenda reafirmou seu apoio ao governo Dilma Rousseff por acreditar que a presidente vai dar continuidade aos avanços iniciados durante os oito anos de mandato de Luiz Inácio Lula da Silva.

Sobre a política econômica brasileira, informou a senadora, o PCdoB decidiu apoiar medidas “para a construção de um projeto nacional de desenvolvimento soberano e democrático” que promova o bem-estar do povo e a integração regional. Para isso, disse Vanessa Grazziotin, o país precisa encontrar alternativas ao aumento de juros para o combate à inflação, para que não haja aumento do endividamento das famílias.

O PCdoB defende também, informou a senadora, a valorização dos salários, melhorias na distribuição de renda, diminuição das desigualdades sociais, redução das taxas de juros e das despesas com a dívida pública. O partido sugere ainda que o país busque alcançar uma taxa de investimentos da ordem de 25% do Produto Interno Bruto (PIB), para que o Brasil continue crescendo de acordo com as necessidades da população. Em 2010, disse Vanessa Grazziotin, a taxa de investimento foi de somente 19% do PIB. Ela também informou que seu partido advoga o controle do capital financeiro externo especulativo, com taxações mais efetivas e quarentena desses recursos, além da realização da reforma tributária.

– Precisamos de um sistema tributário que cobre menos de um número maior de contribuintes, essa é a lógica principal, e de uma reforma tributária que não tribute com tanta força exatamente os setores da economia que mais geram empregos. Infelizmente é isso que acontece em nosso país – afirmou.

Outra resolução aprovada pelo PCdoB, comunicou a senadora, condena a recente incursão militar de países ocidentais na Líbia.

Vanessa Grazziotin acrescentou que o PCdoB já está se preparando para as comemorações dos 90 anos de atividade da legenda, a serem completados em 25 de março de 2012.

– No próximo dia 25 completaremos 89 anos; no dia 25 de março de 2012 estaremos completando 90 anos de fundação, com atuação ininterrupta na história do país. Uma atuação, na maior parte dos anos, muito difícil, porque o partido esteve durante longos períodos na clandestinidade. Mas nunca, nunca deixamos de atuar – disse.

Da Redação / Agência Senado