Valdir Raupp celebra 45 anos do PMDB 

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 24 de março de 2011 as 19:10, por: cdb

O senador Valdir Raupp (PMDB-RO), em discurso nesta quinta-feira (24), comemorou os 45 anos de fundação do PMDB. Sem mencionar a legenda, disse o parlamentar, não se pode escrever a história recente do Brasil, especialmente na retomada da democracia.

Raupp lembrou que o partido, que sempre esteve comprometido com a estabilidade das instituições e com a democracia, já abrigou nomes como Tancredo Neves e Ulisses Guimarães e é a legenda do ex-presidente da República José Sarney.

Ao afirmar que o PMDB é hoje uma das forças mais influentes da política, com 2 milhões de filiados, o senador recordou que nas últimas eleições o partido recebeu 66 milhões de votos e ajudou a eleger a presidente Dilma Rousseff, que tem como vice-presidente o peemedebista Michel Temer. O partido participa do governo de Dilma com seis ministros, tendo ainda cinco governadores e oito vice-governadores, 78 deputados federais, 172 deputados estaduais, 20 senadores, 1.175 prefeitos e 8.495 vereadores.

– É responsabilidade do PMDB ajudar a presidente Dilma na governabilidade e nas conquistas sociais do nosso país – disse.

Jirau

Valdir Raupp também mencionou o incidente no canteiro de obras da hidrelétrica de Jirau, no Rio Madeira, em Rondônia, que, em sua opinião, “foi uma infelicidade, um efeito manada de uma briga”. Segundo ele, não havia uma pauta de reivindicação salarial por parte dos trabalhadores que, conforme afirmou, são bem remunerados e têm alojamentos confortáveis e com boa infraestrutura.

Da Redação / Agência Senado