Unasul suspende Paraguai de reunião que ocorre na Argentina

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 28 de junho de 2012 as 14:26, por: cdb

A União de Nações Sul-Americanas (Unasul) suspendeu a participação do Paraguai da reunião de sexta-feira (29) do grupo em Mendonza, na Argentina.
A reunião do Conselho de Chefes de Estado e de Governo da Unasul foi convocada para tratar da crise política no Paraguai, que se originou com o impeachment do ex-presidente Fernando Lugo. A reunião da organização ocorre logo depois do encontro do Mercosul.

A saída do ex-mandatário foi questionada por várias nações americanas pelo fato do processo de destituição ter ocorrido em dois dias. Países sul-americanos avaliaram que houve pouco tempo para Lugo fazer sua defesa.

A decisão foi tomada com base no tratado constitutivo da Unasul, que tem como cláusula a vigência das instituições democráticas para ser membro. A união considera que a destituição de Lugo se deu com ruptura dessas instituições e que o governo do presidente Federico Franco é “ilegítimo”.

O governo paraguaio reagiu à suspensão da Unasul ao dizer que a medida contradiz os preceitos do bloco. Além disso, o governo paraguaio defende que a convocação de reuniões extraordinárias só pode ser feita pela presidência pro tempore do bloco, que atualmente é exercida pelo Paraguai. A reunião de sexta-feira foi convocada pela secretaria-geral. O Paraguai alega que esse fato foi desconsiderado.

Fonte: Agência Brasil

 

..