UE oferece apoio ao novo Governo boliviano

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 20 de outubro de 2003 as 14:55, por: cdb

A Comissão da União Européia (UE) acolheu nesta segunda-feira “a transição constitucional” na Bolívia no contexto da formação do novo governo do presidente Carlos Mesa, prometendo “novas ajudas” ao país sul americano.

Informou o porta-voz do comissário da UE para as Relações Exteriores, Chris Patten, que ao mesmo tempo apresentou os seus pesares pela “cadeia de trágicos eventos que levaram a renuncia do ex-presidente Gonzalo Sanchez de Lozada”.

Desejamos “um pleno sucesso ao presidente Mesa neste momento particularmente critico na história do país”, o porta-voz, Diego De Ojeda, assinalou por outro lado que “a Comissão da UE está pronta para conceder outros recursos” para La Paz, com o objetivo de “sustentar medidas concretas na prevenção dos conflitos e no campo empreendimentos”.

Bruxelas está pronta para “assistir as autoridades bolivianas nesta fase de transição” e pede a população do país de operar “em um espírito construtivo, para encontrar as soluções aos numerosos desafios que afronta a Bolívia”.

Neste contexto, a Comissão destaca em particular a necessidade de promover aquelas medidas que possam levar “a efetiva participação dos cidadãos” na gestão do país.