Turismo lança cursos para profissionais do setor

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 17 de abril de 2006 as 12:56, por: cdb

O Programa de Qualificação para Profissionais de Turismo visando os Jogos Pan-americanos de 2007 começou efetivamente nesta segunda-feira, com uma aula inaugural do ministro Walfrido dos Mares Guia, no Circo voador, Centro do Rio de Janeiro. Por meio de cursos de capacitação, o Programa vai proporcionar o aperfeiçoamento na qualidade dos serviços prestados na cidade, dando excelência ao turismo receptivo local. A secretária Nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Maria Luisa Leal, também participará do evento.

O programa está inserido no convênio assinado entre o Ministério do Turismo e a Prefeitura do Rio, no valor de R$ 6,6 milhões, sendo R$ 5,3 milhões do governo federal e R$ 1,3 milhão de contrapartida do município. No total, serão qualificados 20 mil profissionais para a melhoria dos serviços prestados em hotéis, restaurantes, bares, quiosques, táxis e outros locais de atendimento turístico. A primeira etapa envolverá a qualificação de cinco mil profissionais que trabalham em bares, restaurantes, pousadas e hotéis, os comerciários e taxistas, além de 1,5 mil guardas municipais.

– É uma ação de impacto sobre a qualidade do trabalho das pessoas que atendem os turistas. Isso terá um efeito benéfico para o setor, porque o turista bem atendido repete a visita e influencia outras pessoas a visitar a cidade – disse Maria Luisa Leal. O Senac Rio, vencedor da licitação pública específica, será responsável pela execução dos cursos da primeira etapa, programados de modo a facilitar o treinamento de acordo com o horário de trabalho dos profissionais.

Cursos

Os cursos terão duração média de três semanas, combinando aulas presenciais e educação à distância, com um total de 70 horas de estudo, em média. Os módulos dos cursos envolvem fundamentos sobre hospitalidade, cidadania, normas e leis, qualidade de vida, sistema turístico, cultura e história do Rio de Janeiro e Jogos Pan-americanos, além de noções de inglês e espanhol. As primeiras turmas, que deverão concluir os cursos até o final de abril de 2006, reúnem fissionais que trabalham no Pólo Cultural e Gastronômico do Novo Rio Antigo. Após o piloto serão definidos os demais locais de foco do treinamento, enquanto pesquisa de demanda definirá o conteúdo dos cursos que serão ofertados.