Transportes e educação fazem inflação acelerar em SP

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 11 de janeiro de 2011 as 11:15, por: cdb

A inflação ao consumidor em São Paulo acelerou na primeira semana de 2011, já começando a refletir o impacto sazonal do reajuste dos custos de educação no início do ano letivo e o reajuste da tarifa de ônibus urbano.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo teve alta de 0,61% na primeira quadrissemana de janeiro, ante 0,54% no mês de dezembro, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta terça-feira.

Os preços de Educação registraram elevação de 0,96% agora, contra 0,10% antes. Os de Transportes, que incluem a tarifa do ônibus, aumentaram 0,77% na primeira quadrissemana, após 0,39% em dezembro.

Esses reajustes devem ter impacto sobre a inflação até fevereiro.

Os preços do grupo Alimentação avançaram 1,39% nesta leitura, ante elevação de 1,38 por cento na anterior.

Os de Vestuário arrefeceram a alta para 0,26% nesta leitura, contra 0,67% na anterior.