Transporte público integrado será legado das Olimpíadas, diz assessor da Casa Civil

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 28 de novembro de 2012 as 15:54, por: cdb

Luciene Cruz
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O transporte público integrado será um dos legados dos Jogos Olímpicos de 2016, disse hoje (28), o assessor especial da Casa Civil do Rio de Janeiro, Luiz Otávio de Aguiar. “A ideia é ter um grande anel de alta performance com os transportes integrados. Se houver alguma interrupção de um lado, pode atingir a Vila Olímpica por outro lado”, disse.

O anel de transportes integrados prevê a ligação entre o metrô e o veículo leve sobre pneus (VLP). Segundo Aguiar, essa integração será “um dos legados mais importantes” deixado à cidade-sede dos Jogos Olímpicos, no qual os passageiros poderão trocar de meio de transporte sem sair das estações e sem ter que pagar a passagem novamente.

O assessor disse que as obras serão entregues no prazo. Aguiar disse que as obras do Ginásio  Maracanãzinho foram finalizadas e que  os trabalhos de reforma do Estádio Jornalista Mário Filho, o Maracanã, ficarão prontas antes da Copa das Confederações, que ocorrem no próximo ano.

As declarações foram feitas durante audiência pública da Comissão de Turismo e Desporto sobre o planejamento geral dos Jogos de 2016, que ocorre na Câmara dos Deputados.

Edição: Fábio Massalli